Acabou! Sovereign e Monarch são encalhados para desmonte

Encalhados lado a lado, Monarch e Sovereign chegam ao fim de suas carreiras

Após semanas de especulação e reviravoltas, Monarch e Sovereign foram encalhados para desmanche. Os responsáveis pela operação serão os estaleiros de reciclagem naval de Aliaga, na Turquia. 

Na operação, um navio é, literalmente, tirado da água. Com a maré alta, a embarcação segue em alta velocidade em direção à uma praia. Quando a proa atinge a areia, parte do casco passa a estar apoiada sobre o solo e o navio deixa de flutuar.

Após a baixa da maré, a maior parte do casco passa a estar apoiada na areia, o que possibilita o desmanche. 

Nos próximos meses, Sovereign e Monarch serão totalmente desmontados para reaproveitamento do metal e outros materiais usados em suas construções.

Além do metal e outras matérias primas, os sucateiros também costumam reaproveitar outros materiais, como carpetes, portas, escotilhas, camas, colchões, móveis, louças, televisões e outros aparelhos. Os produtos de segunda mão são revendidos em lojas locais, muitas vezes junto a obras de arte e outras peças dos navios. 

Construídos, respectivamente, em 1988 e 1991, Sovereign e Monarch estão entre os maiores navios de cruzeiro a ser reciclados dessa forma. 

Cada navio possui cerca de 75 mil toneladas e capacidade para mais de 2,800 passageiros. Mesmo mais antigos, são considerados navios de grande porte, tendo sido projetados como os primeiros ‘mega-navios’ da história. 

Construídos para a Royal Caribbean, os navios eram operados pela Pullmantur Cruceros até março. O Sovereign navegava pela companhia espanhola desde 2008, enquanto o Monarch havia sido transferido em 2013. 

Navios ainda tem cruzeiros previstos

Em dezembro de 2019, Sovereign inicia temporada brasileira que acabaria sendo sua última

Apesar do encalhe, momento em que o navio oficialmente sai de serviço e a operação de desmanche é praticamente irreversível, a Pullmantur ainda não se manifestou oficialmente sobre o destino dos navios.

Tanto Monarch como Sovereign ainda tem, inclusive, cruzeiros previstos, já que as viagens a bordo de ambos os navios só foram canceladas até 15 de Novembro de 2020. 

Disponíveis para reserva no site da Pullmantur, os cruzeiros de retomada tanto do Monarch como do Sovereign partiriam em 20 de Novembro. O primeiro realizaria um cruzeiro de 7 noites no Caribe, enquanto o segundo embarcaria em travessia atlântica com destino ao Brasil. 

Após a data, os dois navios tem itinerários previstos para todo o ano de 2021, com cruzeiros pelo Caribe e Mediterrâneo. 

Não está claro o que irá acontecer com as viagens. Em recuperação judicial desde junho, a Pullmantur está oferecendo, para os hóspedes que já tiveram suas reservas canceladas, a possibilidade de remarcar seu cruzeiro com a Royal Caribbean International ou com a Celebrity Cruises. As marcas são parte do grupo Royal Caribbean, que é acionista da companhia espanhola. 

Texto (©) Copyright Daniel Capella / Imagens (©) Copyright autor desconhecido e Daniel Capella

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solicite agora
Faça sua cotação, clique aqui!
Olá, meu nome é Alexandre, vamos fazer a cotação da sua próxima viagem de cruzeiro? Quero ajudar você a obter as melhores ofertas disponíveis!